Menu

Porpósito, Crenças e Valores Fundamentais

DECLARAÇÃO DE PROPÓSITO, CRENÇAS E VALORES FUNDAMENTAIS DE JOVENS COM UMA MISSÃO

(Atualizada em Maio de 2020)

Este documento apresenta o propósito sincero, as crenças principais,os valores e práticas fundamentais da Jocum, compilados em resposta às diretrizes específicas dadas por Deus desde o início da Jocum em 1960. Elas foram registradas aqui além de transmitirmos às próximas gerações aquilo que Deus tem enfatizado para nós. Este propósito compartilhado, bem como nossas crenças e valores foram os princípios norteadores para o passado e também para o crescimento futuro da nossa Missão. Alguns são conhecidos por todos os cristãos; outros são específicos de Jovens Com Uma Missão. A combinação deste propósito, crenças, valores e práticas compõe as características singulares da família Jocum – nosso “DNA”. Elas são as diretrizes que guardamos com muito respeito, pois nos ajudam a determinar quem somos, como vivemos e como tomamos decisões. Um jocumeiro é alguém que concluiu a Escola de Treinamento e Discipulado (ETED) da Jocum, e que aceita com alegria a nossa Declaração de Propósito, Crenças e Valores Fundamentais, Palavras de Legado e Pactos.

Por favor, copie e compartilhe este documento completo, como apresentado aqui.

 

DECLARAÇÃO DE PROPÓSITO DA JOCUM

Jovens Com Uma Missão (Jocum) é um movimento internacional de cristãos de muitas denominações dedicado a apresentar Jesus pessoalmente a esta geração e também às futuras gerações, a mobilizar o máximo de pessoas possível para ajudar nesta tarefa e a treinar e capacitar crentes em Jesus para assumirem sua parte no cumprimento da Grande Comissão. Como cidadãos do Reino de Deus, somos chamados a amar, adorar e obedecer ao Senhor, a amar e servir o Seu corpo, a Igreja, e a amar a todas as pessoas em todos os lugares, o que inclui apresentar integralmente todo o Evangelho à pessoa como um todo no mundo inteiro.
Nós, Jovens com Uma Missão, cremos em Deus – Pai, Filho e Espírito Santo – e na autoridade da Bíblia como palavra inspirada de
Deus, revelando que Jesus Cristo é o “lho de Deus plenamente Deus e plenamente humano; que as pessoas são criadas à imagem de Deus; que Ele nos criou para uma vida eterna através de Jesus Cristo; que embora todos tenham pecado e careçam da glória de Deus, Ele tornou a salvação possível através da encarnação, vida, morte, ressurreição e ascensão de Jesus Cristo; que o arrependimento, fé, amor e obediência são respostas adequadas à iniciativa da graça de Deus estendida a nós, através do ministério ativo do Espírito Santo; que Deus deseja que todos sejam salvos e que venham ao conhecimento da Verdade; e que o poder do Espírito Santo é demonstrado em nós e através de nós para o cumprimento dos últimos mandamentos de Cristo: “Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura”. (Mc 16:15 ARC) e “Ide e fazei discípulos de todas as nações…(Mt 18:19 ARC).

 

CRENÇAS E VALORES FUNDAMENTAIS DA JOCUM

A. Crenças Fundamentais da Jocum 
Jovens Com Uma Missão (Jocum) reconhece a autoridade e inspiração da Bíblia como a Palavra de Deus e como a referência absoluta para todos os aspectos da vida e ministério. Com base na palavra de Deus, em quem Ele é e na Sua iniciativa de salvação através da obra expiatória de Jesus (sua morte, sepultamento e ressurreição), as seguintes respostas são fortemente encorajadas na Jocum:

Adoração: Somos chamados a louvar e adorar somente a Deus (Êx 20:2-3; Dt 6:4-5; 2Rs 17:35-39; 1Cr 16:28-30; Ne 8:2-10; Mc 12:29-30; Rm 15:5-13; Jd 24-25; Ap 5:6-14; Ap 19:5-8).

Santidade: Somos chamados a viver vidas santas e justas, que exemplificam a natureza e o caráter de Deus (Lv 19:1-2; Sl 51:7-11; Jr 18:1-11; Ez 20:10-12; Zc 13:9; Lc 1:68-75; Ef 4:21-32; Tt 2:11-14; 1Pe 2:9,21-25; 1Jo 3:1-3).

Testemunho: Somos chamados a compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo àqueles que não O conhecem (Sl 78:1-7; Is 40:3-11; Mq 4:1-2; Hc 2:14; Lc 24:44-48; At 2:32-26; At 10:39-43; 1Co 9:19-23; 2Co 2:12-17; 1Pe 3:15-18).

Oração: Somos chamados a nos engajar em oração intercessória pelos povos e pelas causas que estão no coração de Deus, inclusive contra o mal em todas as suas formas (Gn 18:20-33; Êx 32:1-16; Jz 3:9,15; 1Rs 8:22-61; Ez 22:30-31; Ez 33:1-11; Mt 6:5-15; Mt 9:36-38; Ef 3:14-21; 2Ts 3:1-5).

Comunhão: Somos chamados a nos comprometer com a Igreja, tanto em sua expressão local de culto como em sua expressão
móvel multiplicadora
 (2Cr 29:20-30; Sl 22:25-28; Sl 122:1-4; Jl 2:15-17; Mt 18:19-20; At 2:44-47; At 4:32-35; 1Co 14:26-40; Ef 2:11-18; Hb 10:23-25).

Serviço: Somos chamados a contribuir com os propósitos do Reino de Deus em todas as esferas da vida (Dt 15:7-11; Dt 24:17-22; Sl 112:4-9; Pv 11:10-11; Zc 7:8-10; Mt 5:14-16; 2Ts 3:13; Tt 3:4-8; Hb 13:15-16; Tg 2:14-26).

B. Valores Fundamentais da Jocum

1. CONHECER A DEUS

A Jocum é comprometida em conhecer a Deus, Sua natureza, Seu caráter e Seus caminhos como revelados na autoridade da Bíblia,
a Palavra inspirada de Deus. Buscamos re!etir quem Ele é em todos os aspectos de nossas vidas e ministério. O resultado automático de
conhecer a Deus e desfrutar de comunhão com Ele é o desejo de compartilhá-lo com outros. (2Rs 19:19; Jó 42:5; Sl 46:10; Sl 103:7-13; Jr 9:23-24; Os 6:3; Jo 17:3; Ef 1:16-17; Fp 3:7-11; 1Jo 2:4-6).

2. FAZER DEUS CONHECIDO A Jocum é chamada a fazer Deus conhecido por todo o mundo e em cada área da sociedade através de evangelismo, treinamento e ministérios de misericórdia. Cremos que a salvação de almas deve resultar em transformação de sociedades, obedecendo assim o mandamento de Jesus de fazer discípulos de todas as nações. (1Cr 16:24-27; Sl 68:11; Sl 71:15- 16; Sl 145:4-7; Mt 28:18-20; Mc 16:15; At 13:1-4a; Rm 10:8-15; Rm 15:18-21).

3. OUVIR A VOZ DE DEUS

A Jocum é comprometida em criar junto com Deus ouvindo Sua voz, orando Suas orações e obedecendo Seus mandamentos tanto nas pequenas quanto nas grandes coisas. Nós colocamos nossa dependência em ouvir a Sua voz enquanto indivíduos, juntos num contexto de equipe e em grandes reuniões, como parte integral do nosso processo de tomada de decisão. (1Sm 3:7-10; 2Cr 15:2-4; Sl 25:14; Is 6:8; Am 3:7; Lc 9:35; Jo 10:1-5; Jo 16:13-15; Hb 3:7-8,15; Ap 2:7,11,17,27; 3:6,13,22).

4. PRATICAR ADORAÇÃO E ORAÇÃO INTERCESSÓRIA

A Jocum se dedica a adorar a Jesus e se engajar em oração intercessória, que são aspectos essenciais da vida diária. Nós também reconhecemos a intenção de Satanás de destruir a obra de Deus e dependemos da presença poderosa do Senhor, através do Espírito Santo, para vencermos suas estratégias nas vidas dos indivíduos e nos assuntos das nações. (1Sm 7:5; 2Cr 7:4; Sl 84:1-8; Sl 95:6-7; Sl 100:1-5; Mc 11:24-25; At 1:14; Ef 6:13-20; 1Ts 5:16-19; 1Tm 2:1-4).

5. SER VISIONÁRIA

A Jocum é chamada a ser visionária, continuamente recebendo, cultivando e liberando a visão de Deus. Apoiamos o pioneirismo de
novos ministérios e métodos, sempre abertos a sermos radicais a fim de sermos relevantes para todas as gerações, povos e esferas da sociedade. Acreditamos que o chamado apostólico da Jocum requer a integração do ancianato espiritual, liberdade no Espírito e nos relacionamentos, centralizados na Palavra de Deus. (Nm 12:6; 1Sm 12:16; Pv 29:18; Ez 1:1; Hc 2:2-3; Mc 1:35-39; Lc 9:1- 6; At 16:9-10; At 26:19; 2Pe 3:9-13).

6. PROMOVER OS JOVENS

A Jocum é chamada a promover os jovens. Acreditamos que Deus capacitou e chamou jovens a capitanear a visão e o ministério.
Nos comprometemos a valorizar, confiar, treinar, incentivar, criar espaço e liberar os jovens. Eles não são apenas a Igreja do futuro; são a Igreja de hoje. Nos comprometemos a seguir a liderança deles, conforme a vontade de Deus. (1Sm 17:32-50; Ec 4:13-14; Ec 12:1-7; Jr 1:5-10; Dn 1:17-20; Jl 2:28; Jo 6:9; At 16:1-5; 1Tm 4:12-16; 1Jo 2:12-14).

7. SER DESCENTRALIZADA

A Jocum é um movimento cristocêntrico e confessional de voluntariado global unido pela visão, crenças, valores fundamentais e relacionamentos comuns. Não possuímos uma estrutura centralizada. Cada ministério da Jocum tem o privilégio e a responsabilidade espiritual de desenvolver e manter relacionamentos sadios com as autoridades apropriadas e círculos de liderança sênior. (Êx 18:13-26; Nm 1:16-19; Nm 11:16-17,24-30; Dt 29:10-13; Js 23:1-24:28; At 14:23; At 15:1-31; 1Co 3:4- 11; Tt 1:5-9; Hb 13:7,17).

8. SER INTERNACIONAL E INTERDENOMINACIONAL

A Jocum é internacional e interdenominacional tanto em seu alcance global como em sua expressão local. Cremos que a diversidade étnica, linguística e denominacional, juntamente com os aspectos culturais redimidos, são fatores positivos que contribuem para a saúde e crescimento da missão. (Gn 12:1-4; Gn 26:2-5; Sl 57:9-10; Jr 32:27; Dn 7:13-14; At 20:4; 1Co 12:12- 31; Ef 4:1-16; Cl 3:11; Ap 7:9).

9. TER UMA COSMOVISÃO BÍBLICA CRISTÃ

A Jocum é chamada a uma cosmovisão bíblica cristã. Acreditamos que a Bíblia – o manual para toda a vida – faz uma divisão clara entre o bem e o mal; o certo e o errado. As dimensões práticas da vida não são menos espirituais do que as expressões ministeriais. Tudo o que é feito em obediência a Deus é espiritual. Procuramos honrar a Deus com tudo o que fazemos, equipando e mobilizando homens e
mulheres de Deus para assumirem papéis de serviço e influência em todas as esferas da sociedade. (Dt 8:1-3; Dt 32:45-47; 2Rs 22:8; Sl 19:7-11; Lc 8:21; Jo 8:31-32; Fp 4:8-9; 2Tm 3:16-17; Hb 4:12-13; Tg 4:17).

10. TRABALHAR EM EQUIPES

A Jocum é chamada a trabalhar em equipes em todos os aspectos do ministério e liderança. Cremos que uma combinação complementar de dons, chamados, perspectivas, ministérios e gerações, funcionando juntos em unidade em todos os níveis de nossa missão, nos fornece sabedoria e segurança. Buscar a vontade de Deus e tomar decisões em equipe permite prestação de contas, contribui para um nível maior de relacionamento, motivação, responsabilidade e apropriação da visão. (Dt 32:30-31; 2Cr 17:7-9; Pv 15:22; Ec 4:9-12; Mc 6:7-13; Rm 12:3-10; 2Co 1:24; Ef 5:21; Fp 2:1-2; 1Pe 4:8).

11. LIDERANÇA QUE SERVE

A Jocum é chamada a exercer a liderança que serve como estilo de vida, ao invés de uma liderança hierárquica. Um líder servo é
aquele que honra os dons e chamados de Deus na vida daqueles que estão sob seu cuidado e protege seus direitos e privilégios. Da mesma maneira que Jesus serviu aos Seus discípulos, enfatizamos a importância de que aqueles que têm responsabilidades de liderança sirvam aos seus liderados. (Dt 10:12-13; Sl 84:10; Is 42:1-4; Mq 6:8; Mc 10:42-45; Jo 13:3-17; Rm 16:1-2; Gl 5:13-14; Fp 2:3-11; 1Pe 4:10-11).

12. PRIMEIRO FAZER, DEPOIS ENSINAR

A Jocum é comprometida em fazer primeiro, para depois ensinar. Cremos que nossa experiência pessoal em primeira mão confere autoridade às nossas palavras. Um caráter piedoso e um chamado de Deus são mais importantes que dons, habilidades e expertise. (Dt 4:5-8; Ed 7:10; Sl 51:12-13; Sl 119:17-18; Pv 1:1-4; Mt 7:28-29; At 1:1-2; Cl 3:12-17; 2Tm 4:1-5; 2Pe 1:5-10).

13. SER ORIENTADA POR RELACIONAMENTOS

A JOCUM é dedicada em ser orientada por relacionamentos em nossa maneira de viver e trabalhar juntos. Desejamos estar unidos através de vidas de santidade, apoio mútuo, transparência, humildade e comunicação aberta, ao invés de uma dependência em estruturas e regras. (Lv 19:18; Sl 133:1-3; Pv 17:17; Pv 27:10, Jo 13:34-35; Jo 15:13-17; Jo 17:20-23; Rm 13:8-10; 1Jo 1:7; 1Jo 4:7-12).

14. VALORIZAR O INDIVÍDUO

A Jocum é chamada a valorizar cada indivíduo. Cremos em oportunidades iguais e justiça para todos. Cremos que, tendo sido criadas à imagem de Deus, pessoas de todas as nacionalidades, idades e funções têm contribuições e chamados distintos. Nosso compromisso é honrar o dom de liderança e ministério dado por Deus tanto a homens como a mulheres. (Gn 1:27; Lv 19:13-16; Dt 16:18-20; Sl 139:13-16; Mc 8:34-37; At 10:34-35; Gl 3:28; Ef 6:5-9; Hb 2:11-12; Tg 2:1-9).

15. VALORIZAR FAMÍLIAS

A Jocum a”rma a importância de toda a família unida servindo a Deus em missões, não apenas o pai e/ou a mãe. Abraçamos a inclusão de famílias de pais/mães solteiros(as). Encorajamos o desenvolvimento de unidades familiares fortes e sadias, com cada membro compartilhando o chamado para missões e contribuindo com seus dons de uma maneira singular e complementar. Defendemos e celebramos a visão bíblica de que a intenção de Deus para o matrimônio sagrado é entre um homem e uma mulher. (Gn 2:21-24; Gn 18:17-19; Dt 6:6-7; Pv 5:15-23; Pv 31:10-31; Ml 2:14-16; Mt 19:3-9; 1Co 7:1-16; 1Tm 3:2-5; Hb 13:4).

16. PRATICAR DEPENDÊNCIA DE DEUS

A Jocum é um movimento voluntário chamado a praticar uma vida de dependência em Deus quanto ao sustento financeiro. Tanto
individualmente quanto corporativamente, nosso sustento vem principalmente através do Seu povo. Assim como Deus tem sido generoso conosco, desejamos ser generosos, entregando a nós mesmos, nosso tempo e talentos a Deus sem expectativa de remuneração. (Gn 22:12-14; Êx 36:2-7; Nm 18:25-29; Ml 3:8-12; Mt 6:25-33; Lc 19:8-9; 2Co 8:1-9:15; Fp 4:10-20; Tt 3:14; 3Jo 5-8).

17. PRATICAR HOSPITALIDADE

A Jocum reconhece o ministério da hospitalidade como uma expressão do caráter de Deus e do valor da pessoa. Cremos que é
importante abrir nossos corações, casas, campi e bases para servir e honrar uns aos outros, aos nossos convidados e ao pobre e necessitado, não como um ato de protocolo social, mas como uma expressão de generosidade. (Gn 18:1-8; 2Sm 9:1-11; Sl 68:5-6; Pv 22:9; Is 58:7; Mt 25:31-46; At 28:7-8; Rm 12:13; Hb 13:1-3; 1Pe 4:9).

18. COMUNICAR COM INTEGRIDADE

A Jocum afirma que tudo existe porque Deus se comunica. Portanto, a Jocum é comprometida com uma comunicação verdadeira,
precisa, oportuna e relevante. Acreditamos que a boa comunicação é essencial para termos relacionamentos fortes, famílias e comunidades saudáveis e ministérios eficazes. (Gn 1:3-5; Nm 23:19; Pv 10:19; Pv 25:9-14; Zc 8:16-17; Mt 5:33-37; Lc 4:16-22; Jo 1:1-5; Cl 4:6; Tg 3:1-18).

NOTA HISTÓRICA: Este documento inclui a Declaração de Propósito da Jocum e as Crenças e Valores Fundamentais de Jovens
Com Uma Missão. 
A Declaração de Propósito da Jocum foi escrita no início dos anos 60. Intencionalmente, nunca redigimos uma “Declaração de Fé”
porque somos um “movimento internacional de cristãos de muitas denominações” e a ideia era apenas esclarecer por que Deus criou este movimento.
As Crenças e Valores Fundamentais da Jocum surgiram ao longo de várias décadas ouvindo a Deus e uns aos outros. O processo de identificação dos nossos valores foi iniciado por Darlene Cunningham em 1985, no 25º aniversário da Jocum, para que eles fossem transmitidos às gerações futuras. O documento foi então aprovado seis anos depois, em 1991, pelo Conselho Internacional.
Naquela época, o Conselho Internacional (International Council – IC) era a liderança global reconhecida da missão. Desde então, o
círculo global de liderança sênior funcionou com vários nomes diferentes. Primeiro, como Conselho Internacional. Depois foi chamado de Equipe de Liderança Global (Global Leadership Team – GLT), e posteriormente de Fórum Global de Liderança (Global Leadership Forum – GLF). Em 2014, essa entidade foi dissolvida em Singapura para o estabelecimento de uma estrutura horizontal, substituindo a que estava se tornando cada vez mais hierarquizada. Hoje existem vários grupos de Ancianato Espiritual na missão – muitos deles conhecidos como Equipes de Círculo por Área (Area Circle Teams – ACTs). Um grupo de anciãos foi convocado por Loren e Darlene Cunningham para fazer parte do que conhecemos como o Círculo dos Fundadores (Founders’ Circle – FC).
Ao longo dessas várias décadas, o papel principal da entidade de anciãos espirituais globais (seja o IC, GLT, GLF ou FC) tem sido
confirmar, administrar e proteger os documentos fundamentais da missão. Embora o Círculo de Fundadores não possua a função de supervisão governamental das estruturas de liderança anteriores, ele carrega a responsabilidade de proteger e esclarecer nossos documentos fundamentais.
A história dos Valores da Jocum, desde que Darlene os apresentou pela primeira vez em 1985, e que o IC os aprovou em 1991,
inclui atualizações do GLT em 2003 e do GLF em 2011 e 2014. O FC confirmou uma atualização em 2017 durante o Workshop da
UofN na Costa Rica, relacionado à inclusão do “Serviço” como uma de nossas respostas às nossas Crenças Fundamentais; foi feita outra atualização em 2018 durante o evento “YWAM Together” na Tailândia, além de esclarecer o Valor nº 15. Na mesma ocasião, esse novo formato foi adotado para apresentar nosso Propósito, Crenças e Valores Fundamentais e as referências bíblicas de apoio como um único documento. O documento acima, aprovado pelo Círculo de Fundadores em maio de 2020, esclarece o texto na Declaração de Propósito e nos Valores: 4, 7, 16 e 17.

Este documento atualizado, junto com os seis documentos pactuais apresentados abaixo, forma os documentos fundamentais de
Jovens Com Uma Missão:

A identidade e a missão da Jocum ficam ainda mais claras no documento que conhecemos como as “Quatro Palavras de Legado”,
dadas por Deus a Loren Cunningham ao longo dos anos. Trata-se das quatro principais palavras do Senhor que, através da nossa história, nos guiaram e moldaram nossa herança como missão. Elas incluem:

  1. A Visão Pactual das Ondas, que Loren recebeu em junho de 1956 nas Bahamas, logo depois do seu 21º aniversário.
  2.  O Chamado a Discipular as Nações por meio das Sete Esferas da Sociedade (1975);
  3. A Carta Magna Cristã (1981);
  4. O Compromisso pela Erradicação da Carência Bíblica (1967 & 2014)

Todas elas estão enraizadas nos primórdios da história da missão e continuamos a crescer em nosso entendimento e aplicação dessas Quatro Palavras de Legado.